domingo, 9 de agosto de 2009

Ser pai não é nada fácil!


Neste Dia dos Pais, arrazoei que para gerar não é preciso muito. Até proveta, pipeta, instrumentos de laboratório, podem ser usados para trazer alguém à vida.

Assim como respirar e viver são duas coisas distintas, trazer vida a alguém é coisa especial. Como aliás, ser pai é algo muito diferente. É trabalho para mais de metro, como se diz na minha terra, não é coisa para amador.

De começo, é preciso adotar. Voluntariamente decidir amar alguém, acreditar, creditar neles no mínimo a sua afeição e esperança.

Podem vir de nós, mas se não os adotarmos, serão só coisa de circunstâncias, frutos de um acidente existencial, sem vida, só existindo.

Assim como existem muitos filhos órfãos de pais vivos, gente è espera de ser amada, aceite, existem figuras de pais, gente que julga sê-lo simplesmente porque um dia serviu só fisiológicamente para "fecundar" algum útero disponível.

Ser pai é coisa diferente. É missão. É trabalho. É ministério.

Hoje, nesse dia de domingo, dia de "macarrão, frango, maionese e família", não tendo os meus à volta (que por mim, nunca teriam saído do alcance dos meus braços!), sou todo gratidão ao meu Pai celestial por ter tido a honra de ter um pai (ainda vivo e a quem sou igualmente grato, com todos os seus erros e defeitos, como aliás eu próprio) e de muitos outros que um dia me aceitaram na sua afetividade e zelo para com os meus passos.

Hoje, agradeço a Deus também aos muitos filhos que Deus nos confiou, os que geramos, adotando-os no coração - Rebeca, Raquel e muitos outros, que como elas, sempre fecharam os olhos pros meus erros próprios de "pai em construção".

Tem sido maravilhoso tê-los no coração e na minha história!

Um feliz Dia dos Pais!


2 comentários:

Anna Bernardes disse...

Oiêe! Bela mensagem sobre "ser pai". Dispensa demais comentários. FELIZ DIA DOS PAIS e parabéns por ser como vc é! Abração!!!

Rebeca PIROLA disse...

Ahhhhhhh pai, assim vc me fez chorar! AMEI! E voce é um pai perfeito! Alias...só não é mais perfeito pq não tá perto o suficiente pra eu poder te encher o saco quando quiser...rsrs Te amo paizão! Re