sexta-feira, 13 de junho de 2008

Morte gota a gota...


"O que oprime ao pobre para se engrandecer a si mesmo,
ou o que dá ao rico, certamente empobrecerá." (Pv 22:16)
Não bastasse o absurdo da especulação sobre o petróleo, juntaram-se aos bandoleiros do óleo, os governos que têm até agora mantido os impostos que sobem à proporção, a cada aumento dos combustíveis.
Ontem, após o término dos transportadores que puseram todo o Portugal paralisado e, após uma leve descida do crude, a nossa Galp - onde o governo detém um terço das suas acções - aumentou-nos o preço final (ela e mais a BP e a Repsol, diga-se de passagem, no esteio da cartelização fruto da "liberalização" dos preços que devia fazer-nos pagar menos pelo produto mas que não conseguiu outra coisa a não ser liberalizar o apetite selvagem das gasolineiras no país).
Sobem os preços dos combustíveis, sobem os alimentos,...
Rapaz... dá-nos vontade de mandar os "chefões" responsáveis, passarem uns dias lá na dita vila do "corte-sei-lá-o-que".
Maaaaaãe, compra-me uma bicicleta?!...

Nenhum comentário: